Campanha Ateliê Escola
 

GUATAÇARA MONTEIRO

Nascido em 11 de abril de 1984 em Castanhal-PA, é artista plástico formado em Licenciatura em Artes Visuais e pós-graduado em Cultura Popular Brasileira. Possui residência e atelier no município de Igaratá/SP. Tem em seu currículo 24 exposições individuais e 7 coletivas que aconteceram em SP, PA, PB, CE, em Miami(EUA) e no Carrousel du Louvre em Paris(França). Com um estilo próprio, colorido e contemporâneo, as linhas e preenchimentos de suas produções chamam a atenção por conterem histórias sobre sua infância e raízes amazônicas. Trabalha com pinturas, muralismo, azulejaria, gravuras, esculturas, instalações e ilustrações.

Possui 2 livros publicados e participou da organização e ilustração de outras obras literárias, com destaque para o livro “Cores da Amazônia”, publicado pela editora do Brasil em 2015.

Seu trabalho despertou interesse na área educacional nos estados de SP, MA, AM, RS, MT, PA, RJ, ES e MG. Atingido cerca de 250 mil alunos e educadores desde 2009. Em seu atelier mantém uma constante produção, recebe escolas e grupos para oficinas e vivências. 

É focalizador de Danças Circulares e empresário do setor cultural.  Organiza eventos e viagens relacionados à cultura popular. Ministrou cursos de sua autoria em 13 estados brasileiros, na Argentina, Chile e México.

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

  • BELÉM 396 ANOS EM CORES E TRAÇOS – Castanheira Shopping Center, Belém/PA – 2012.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Centro de Cultura Municipal, Tatuí/SP – 2010.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Espaço Plural, São José dos Campos/SP – 2010.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Bar Santo Cristo, São Paulo/SP – 2010.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Buriti Shopping, Guaratinguetá/SP – 2009.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Café da Madre, São José dos Campos/SP – 2009.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Alpharrabyo, São Paulo/SP – 2009.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Secretaria Municipal de Educação, Jacareí/SP – 2009.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Centro de Educação e Cultura Francisco Carlos Moriconi, Suzano/SP – 2009.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Centro Cultural Palmeiras, Colorado e Boa Vista, Suzano/SP – 2009.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – Triom Editora e Livraria, São Paulo/SP – 2008.

  • TRILHAS DE UM SONHADOR  -10 ANOS DE PINTURA -Escola Ruy Barbosa, Caçapava/SP - 2018

  • TRILHAS DE UM SONHADOR  -10 ANOS DE PINTURA -Espaço Tomie Ohtake, Jacareí-SP - 2018

  • POESIAS VISUAIS - Catioca, Jacareí/SP 2018

  • MANDALAS DA NATUREZA – Galeria Meu Limão, meu Limoeiro, São Paulo/SP – 2017.

  • NO CORAÇÃO DO RIO – Galeria Olivo Gomes CEFE/FCCR, São José dos Campos/SP – 2016.

  • CORES DO CÍRIO – Parque Shopping, Belém/PA – 2015.

  • BICHOS E BRINQUEDOS DO BRASIL – Galeria Ivone Tessin Weis UNIVAP, São José dos Campos/SP – 2014.

  • GUATAÇARA MONTEIRO COLETÂNEA DE OBRAS - CEFE, São José dos Campos/SP – 2013.

  • AMAZÔNIA EM CORES E ENCANTOS -  Espaço Cultural Conjunto Nacional, São Paulo/SP – 2013/2014.

  • MEUS BRINQUEDOS – SESC Catanduva/SP – 2013.

  • BICHOS DA AMAZÔNIA – SESC Catanduva/SP – 2013.

  • MEUS BRINQUEDOS – Galeria Helena Calil FCCR, São José dos Campos/SP – 2012.

 

GALERIA

MOSTRAR MAIS

DANÇAS CIRCULARES

As Danças Circulares compõem um movimento cultural mundial, criado pelo bailarino e artista plástico “alemão/polonês” Bernhard Wosien, na década de cinquenta e se espalhou pelo planeta divulgado pela comunidade escocesa de Findhorn.

O movimento chegou ao Brasil na década de 80 em Nazaré Paulista, interior do estado de São Paulo, e espalhou-se por todo o território nacional, atrelando-se às nossas danças indígenas e cirandas de roda. Hoje, existem festivais, encontros, oficinas variadas e cursos de pós-graduação em Danças Circulares.

 

A Dança Circular melhora a auto-estima, concentração, coordenação motora, equilíbrio, lateralidade, convívio social, combate o sedentarismo e estimula ações cooperativas. Pode ser praticada por adultos, crianças, idosos e pessoas com necessidades especiais que queiram experimentar momentos de lazer, alegria e aprendizado em grupo.

 

Conhecemos as Danças Circulares em 2003, e a partir de 2006  iniciamos um trabalho autoral no movimento com a criação de oficinas, aulas regulares, organização de festivais e viagens de capacitação em dança e cultura regional.

CONHEÇA NOSSAS ATIVIDADES:

Festival de Danças Circulares do Vale do Paraíba – Evento anual desde 2010.

Retiro de Danças Circulares do Vale do Paraíba - Evento anual e itinerante desde 2018

 

Aulas Regulares – Jacareí/SP desde 2006.

 

Cursos com Coreografias Próprias Aplicados nos Estados (PA, SP, ES, RS, MT, RJ, PB, RN, DF, SC e GO), além de Argentina, Chile e México.

 

Danças da Amazônia;

Danças do Brasil;

Danças para Festejos Juninos;

Lendas do Brasil;

Dançando Cores, Sabores e Ritmos Do Brasil;

Da Minha Terra;

Puro Movimento;

Para Manifestar nosso Amor;

Forças da natureza;

Da floresta ao sertão.

 
 

EMPRESA

A Guataçara Brasil é uma empresa do setor cultural e educacional. Nasceu em 2009 com a necessidade de aplicar a arte de Guataçara Monteiro em projetos culturais e produtos variados. Possui sede no município de Igaratá/SP.

Trabalha na prestação de serviço:

Capacitação de professores.

Oficinas de artes para crianças.

Capacitação em Cultura Popular Brasileira.

Organização de Festivais, Retiros, Cursos e Vivências de Danças Circulares.

Na criação e comercialização de produtos em séries limitadas:

Decoração - almofadas, vasos, quadros e gravuras.

Vestuário - camisetas, vestidos, e echarpes.

Acessórios -  bolsas e biojoias.

Utilitários - louças em geral.

Papelaria -  cadernos, agendas, cartões e blocos de anotações.

JOÃO PAULO PESSOA

Paraibano, formado em Administração de Empresas pela Faculdade Anhanguera de Jacareí/SP; Empresário do setor cultural; Técnico em agroindústria pela UFBP/CAVN e Focalizador de Danças Circulares. Co-idealizador do Festival de Danças Circulares do Vale do Paraíba, atuou em projetos sócio econômicos em Jacareí/SP e em Bananeiras/PB.

GUATAÇARA MONTEIRO

Paraense, formado em Licenciatura em Artes Visuais e Pós-graduado em Cultura Popular Brasileira pela Universidade do Vale do Paraíba/SP. Empresário no setor cultural; Técnico em agricultura pela Escola Agrotécnica Federal de Castanhal/PA e Focalizador de Danças Circulares.

 

EDUCAÇÃO

Arte na educação.

A partir de 2008 com o lançamento da Exposição Bichos da Amazônia, um grande número de escolas incluiu as pinturas, esculturas, instalações e as danças circulares de Guataçara Monteiro em projetos pedagógicos. No Vale do Paraíba, interior de São Paulo, 150 mil crianças aprenderam sobre a floresta amazônica, cultura brasileira, folclore e meio ambiente tendo como ferramenta nossa arte.

O artista dedica parte de suas atividades para ministrar cursos de capacitação de professores, palestras para adolescentes e oficinas para crianças. Recebendo grupos em seu atelier ou visitando escolas.

 

AGENDA

AGENDA 2020

JANEIRO

PROJETO GALERIAS - ARTE EM COMUNIDADE

Data: De 20 a 30 de Janeiro de 2020 

Local: Comunidade Chã de Jardim, Areia - PB

Organização: Guataçara Brasil

FEVEREIRO

IV CAPACITAÇÃO EM CULTURA POPULAR NORDESTINA -  EDIÇÃO PARAÍBA (Inscrições abertas).

Data: De 05 a 14 de fevereiro de 2020

Local: João Pessoa, Areia, Bananeiras e Cabaceiras - PB

Informações: contato@guatacarabrasil.com

Vagas Limitadas!

JULHO

OFICINA DE DANÇAS BRASILEIRAS - CURITIBA -PR

Data: De 17 a 19 de julho de 2020

Local: Curitiba - PR (Local a definir)

Organização: Júlia Mañez.

Contato: julia.manez@yahoo.com.br 

Vagas Limitadas.

AGOSTO

XI- FESTIVAL DE DANÇAS CIRCULARES DO VALE DO PARAÍBA/SP (Inscrições em breve)

Data: 08/08/2020   Horário: 9 às 18h

Local: Chácara Santa Eufrásia, Santa Branca/SP

Informações: contato@guatacarabrasil.com

XI CAPACITAÇÃO EM CULTURA POPULAR AMAZÔNICA -  EDIÇÃO BELÉM E MARAJÓ (Inscrições em breve).

Data: De 20 a 29-08-2020

Local: Belém e Ilha do Marajó/PA

Informações: contato@guatacarabrasil.com

OUTUBRO

V CAPACITAÇÃO EM CULTURA POPULAR NORDESTINA -  EDIÇÃO SERRA DA CAPIVARA -PIAUÍ (Inscrições em breve).

Data: Informaremos em breve.

Local: Parque Nacional da Serra da Capivara e região - Piauí

Informações: contato@guatacarabrasil.com

X Capacitação em Cultura Popular Amazônica Edição Belém e Marajó.

Data: De 28 a 30-06-2019

 
 

CONTATO

O Vale - 2010